Skip directly to content

Arbitral do Campeonato Estadual mantém formato de disputa: Operário votou contra

Por: 
Anderson Ramos - Divulgação Operário FC
14/11/2017

 

O Campeonato Estadual de 2018 começou para nos Operarianos. A Federação e dirigentes dos clubes se reuniram nesta terça-feira (14) para o Conselho Arbitral onde ficou definido a manutenção da fórmula da disputa.

 

 

A reunião foi comandada pelo presidente da FFMS, Francisco Cezário, e pelo vice e coordenador de competições, Marcos Tavares. Com exceção do Naviraiense, os demais clubes garantidos na primeira divisão enviaram representantes, o que aumentou a especulação sobre a participação do campeão de 2009. Agora, o time de Naviraí terá até 15 dias, até a redação final do regulamento e tabela, para confirmar ou não sua participação.

 

 

Sem Mudança

 

Na formação dos grupos, nenhuma novidade. O Corumbaense, que teria solicitado mudança para o grupo da Chave A, o que diminuiria a distância que viaja em cada partida como visitante, recuou e preferiu seguir na chave B com equipes do Sul do Estado.

Assim, o Grupo A segue formado por Comercial, Novo, União e Operário e ainda Costa Rica. Por sorteio, a chave será completada pelo campeão da Série B. No B estão Águia Negra, Naviraiense, Sete, Urso, Corumbaense e o vice campeão da Segunda Divisão.

 

Mudanças adiadas

 

O Presidente Estevão Petrallás saiu da reunião frustrado com o resultado final, pois gostaria de ver mudanças no formato já no próximo ano. “Queríamos mudanças neste formato, afinal o público quer ver o Operário jogando contra times diferentes, o futebol do Estado precisa evoluir, uma pena que alguns dirigentes não entenderam assim.

 

A sugestão do mandatário Operariano do quadrangular na semifinais onde todos jogaria contra todos e os dois melhores disputariam o título seria mais justo para definir o campeão, mas também não foi aprovado.” finalizou o presidente Alvinegro após o arbitral.

 

 
Vagas em Competições Nacionais

 

A distribuição de vagas em competições nacionais e regionais vai mudar à partir de 2018. Por determinação da CBF, os melhores clubes de cada Estado devem ser indicados para competições que a entidade organiza. Isso provocou mudança na vaga para a Copa Verde, até então direcionada para o terceiro colocado. Agora, o campeão ocupará o lugar.

 

Em relação à Série D do Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil, as duas vagas em cada competição seguem sendo do campeão e vice-campeão estadual, casos de Corumbaense e Novo em 2018.

 

Parceiros

PATROCINADORES