Skip directly to content

Rodrigo Grahl marca no final da partida e garante a vaga ao Operário na Copa Verde 2018

Por: 
Anderson Ramos - Divulgação Operário FC
03/05/2017

 

Terminou o Campeonato Estadual para Operário na noite desta terça-feira com a disputa do terceiro lugar. No Estádio Morenão, o Galo venceu por 2 a 1 o Sete de Dourados, resultado que precisava para garantir a posição e garantir o retorno para Copa Verde 2018, competição organizada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) que coloca o campeão direto nas oitavas de final da Copa do Brasil.

 

Operário e Sete entraram para o segundo confronto cheios de desfalques, por suspensão ou contusões, mas assim como no jogo de ida, em Dourados, o Operário começou mandando no jogo e não demorou a marcar com uma bela falta ensaiada. Aos sete minutos, em uma cobrança de falta frontal, Rodrigo Grahl rolou para o zagueiro Bruno Éverton, ex-Sete, bater forte e vencer Wendell. O Sete conseguiu aos 20 minutos em uma falha adversária do sistema defensivo do Galo empatar o jogo.

 

Depois do empate, o Sete se fechou em campo dificultando o toque de bola alvinegro e marcando as principais jogadas pelas pontas com Dieguinho e Wilson. No segundo tempo o treinador Celso Rodrigues colocou Kauhan no lugar de Dieguinho e Válber no lugar do Diego, o time ficou mais ofensivo e foi em busca do Gol que precisava para ficar na 3º posição.  Operário passou a pressionar e de tanto manter a bola no ataque o galo acabou marcando o segundo gol aos 35 minutos.

 

Em uma cobrança de falta rápida, a bola chegou aos pés do artilheiro Rodrigo Grahl que bateu de fora da área, estufando a rede e dando números finais ao placar. Depois, com o adversário desarrumado, o Operário não teve trabalho para manter a vantagem, garantir a vantagem e a vaga na Copa Verde em 2018.

 

 

 

"Foi um jogo díficil, mais os jogadores estavam focados em garantir esta vaga, assim deixamos o clube onde pegamos, na 1º divisão e com a vaga na Copa Verde, ficou faltando só o título, mesmo com a melhor campanha do estadual", falou um emocionado Celso Rodrigues.

 

"Só tenho que agradecer a todos os atletas pelo empenho e aos integrantes da comissão técnica, em especial ao treinador Celso Rodrigues, precisávamos desta conquista e claro na nossa maravilhosa torcida que nunca nos abandona. Não venho o título infelizmente, mas os números provam que o trabalho foi positivo, o planejamento para 2018 já começou", finalizou eufórico Estevão Petrallás, mandatário alvinegro.

 

Campanha 2017: Operário terminou o estadual com 32 pontos, 10 vitória, melhor ataque e o atacante Rodrigo Grahl como vice artilheiro alcançando 10 gols e Wilson com 7 gols.

 

 

 

PATROCINADORES

Parceiro